Monday, June 04, 2007

blue jeans


1075 Comments:

Anonymous Chloé said...

O laço escondido

9:58 AM  
Anonymous Anonymous said...

bem visto chloé!!
a revelação da fotografia, mais uma vez, nas entrelinhas da imagem...

ass:massa sovada

11:38 AM  
Anonymous Anonymous said...

O meu querido amigo, irmão, o meu segundo coração, a minha outra mente, o meu outro eu, o melhor professor do mundo, o melhor homem, o mais inteligente, o mais simpático, o mais educado, o mais perfeito e completo ser humano, o mais profundo e o mais feliz, faleceu hoje de manhã, durante o seu passeio matinal depois de colocar esta derradeira imagem. Porque sinto uma dor imensa e insuportável, não consigo aqui deixar mais que o melhor que ele me deu nestes anos. Voltarei aqui a deixar detalhes sobre as últimas homenagens que de certo tantos lhe vão querer prestar.

Amo-te Roberto para sempre.
Carlos Costa

12:53 PM  
Anonymous Anonymous said...

um mestre que nunca irei esquecer
um ser brilhante para todo o sempre


Ricardo

1:01 PM  
Anonymous Anonymous said...

Não quero acreditar.
Não quero.

alexandr3

1:05 PM  
Anonymous Anonymous said...

SAUDADES.... já tenho tantas Saudades...

Um Beijo Grande... Muito Grande...
do tamanho do Mundo como mandavas sempre para mim...

(Beijo especial a ti prof. Carlos Costa)
Ass.: Ana Ferraria

1:12 PM  
Anonymous Joanne said...

Tento expressar aquilo que sinto, mas sem conseguir...
É um homem, que nunca esqueceremos,
sem mais palavras

Joana Coelho, aluna (99/2003) IADE

1:13 PM  
Blogger Nonnu a.k.a Nuno Jacinto said...

Estarei eternamente grato pelas horas de conversa cheias de humor.
Quem nos deixa é o corpo. Mas o que viverá para sempre em nós, é a pessoa espetacular que do "Tio Bob".

Obrigado por existires Tio Bob

1:16 PM  
Anonymous Anonymous said...

Um grande homem mas acima de tudo um grande amigo.

Nunca te esquecerei, Amigo Roberto
kimo

1:17 PM  
Anonymous Nuno Coelho said...

granda prof.

Até um dia.

1:19 PM  
Anonymous Hugo said...

Quando eu morrer batam em latas,
Rompam aos saltos e aos pinotes,
Façam estalar no ar chicotes,
Chamem palhaços e acrobatas!

Que o meu caixão vá sobre um burro
Ajaezado à andaluza...
A um morto nada se recusa,
Eu quero por força ir de burro.

1:23 PM  
Blogger Liliana said...

n quero acreditar. n pode ser. nao é verdade. nao esquecerei nunca o ser brilhante e prestavel que sempre foste... mas nao quero acreditar. para sempre recordarei a constante boa disposição do professor Roberto. Até sempre, com muitas saudades. Liliana

1:33 PM  
Blogger O Meu Outro Eu Está a Dançar said...

Roberto,
adorei que a sua presença festiva e ensolarada se tenha cruzado comigo. Graças às traduções que me ajudaram a compreender melhor a música que ouvimos naquela noite, já posso mandar sentida esta parte de uma música que lhe envio para levar consigo:


Tem morabeza, blue di manha
Tem sol na cada madrugada


..."Beijo de Longe".
Vou ter muitas muitas saudades...

1:36 PM  
Blogger Rita said...

Foi uma honra conhece-lo...

1:43 PM  
Anonymous Anonymous said...

não quero acreditar!

*
Priscila Devesa

1:59 PM  
Blogger djunke said...

"All memories are traces of tears"

Uma referência especial para a pessoa especial que foste.
Doi acreditar.

1 Abraço amigo Bob

2:00 PM  
Anonymous Ana Luisa Gomes Rodrigues said...

Será que na vida não vive

Quem na vida já viveu?

Ou será que terá vida

Quem nesta vida sofreu?

Eu que morri e que vivo

Dentro do mundo que passou,

Nos versos que não morrerão

Após rasgar a vida

Irão lembrar quem chorou

E esta vida não viveu.

2007

Roberto foi uma honra ter sido uma aluna e espero que uma amiga... Um grande obrigado pela sempre boa disposição com que me recebeu!!

Carlinhos um grande abraço...
Ana Luísa Rodrigues

2:01 PM  
Anonymous Patricia Sá said...

Uma dor imensa é o que sinto por saber que um homem como tu BOM, HUMANO,PRESTAVEL e AMIGO nos deixou!
A luz vais encontrar tenho a certeza por tudo o que fizeste e deste nesta vida.
A ti, Roberto, presto a minha homenagem neste teu blog e contigo fico no meu coração com saudade!

Um beijo
Patrícia Sá

2:01 PM  
Blogger Bruno Rafael said...

Um grande Homem.
Foi um prazer imenso estes quatro anos em que tive a honra de conviver com ele.
As saudades já são muitas

2:05 PM  
Anonymous Anonymous said...

um querido professor



um beijo até si


claudia sousa 04/292

2:08 PM  
Blogger Judia said...

Stop all the clocks, cut off the telephone,
Prevent the dog from barking with a juicy bone,
Silence the pianos and with muffled drum
Bring out the coffin, let the mourners come.

Let aeroplanes circle moaning overhead
Scribbling on the sky the message He Is Dead,
Put crepe bows round the white necks of the public doves,
Let the traffic policemen wear black cotton gloves.

He was my North, my South, my East and West,
My working week and my Sunday rest,
My noon, my midnight, my talk, my song;
I thought that love would last for ever: I was wrong.

The stars are not wanted now: put out every one;
Pack up the moon and dismantle the sun;
Pour away the ocean and sweep up the wood.
For nothing now can ever come to any good.

W.H. Auden

2:15 PM  
Anonymous Anonymous said...

Na 5a passada no Jardim de Santos debaixo dos Jacarandás, levei um um encontrão do anafado Roberto Barbosa de sorriso escancarado. Tive q recusar um convite de almoço pq c/ ele, alertou-me, levavam 3 horas: a comer, beber e fumar.
"Porte-se bem!", disse-lhe pela enésima vez

O 2 corações q tinha (desde a operação) e de q muito se orgulhava, não foram suficientes.
O único coração q eu tenho, não quer acreditar.

Sofia Dias (IADE 92/96)

2:16 PM  
Blogger aeneadellaluna said...

Não sei o que dizer..ainda no outro dia estive com o Roberto, aqueceu-me o casaco de malha que estava ensopado..como aquecia os corações de todos nós com o seu humor inconfundivel e a sua boa disposição!
Vou ter muitas saudades e guardarei para sempre as recordações que tive!

Sara Gancho
IADE 2001/2005

2:26 PM  
Anonymous Carioca de Limão said...

Adoro-te Roberto Barbosa. Não consigo dizer mais nada.

2:27 PM  
Blogger ana said...

Soube agora… custa muito acreditar
Imaginamos que pessoas como o professor roberto ficam para sempre, mas…
Já passou algum tempo desde que a minha vida se cruzou com a deste magnifico ser humano, mas a sua presença e influencia permaneceram na minha vida.
Fico triste porque perdemos o homem, mas o seu espírito e as muitas vidas que ele tocou e influenciou certamente permaneceram ao longo de muito mais tempo.
Que Deus o acolha de braços aberto, como ele acolheu todos nos que passamos pela sua vida.

Professor Carlos, muita força e um grande abraço.

ana corguinho
iade1998/2002

2:30 PM  
Blogger Mac said...

This comment has been removed by the author.

2:34 PM  
Anonymous Anonymous said...

Até breve professor..

Ass: um dos seus tótós

2:35 PM  
Anonymous Bruno said...

fica a magia da luz numa ciencia tão bem conhecida por ti.

2:37 PM  
Blogger Mac said...

Muito haveria para dizer,
mas conseguir fazê-lo?
Neste momento, não consigo.
Ficam as eternas saudades,
e as recordações dos bons momentos.
Até que nos encontremos de novo...
Professor e amigo...

2:37 PM  
Anonymous Anonymous said...

...

I don't want French fried potatoes,
Red ripe tomatoes,
I'm never satisfied.
I want the frim fram sauce with the Ausen fay
With chafafa on the side

...
ainda hoje demanhã ouvi esta musica e me recordei quando o prof. Roberto entrou na nossa aula de Cinema e nos pôs todos a ouvir a "Frim Fram Sauce" .. acompanhada, obviamente do seu maravilhoso sorrisão!
depois ... tropecei e caí nesta realidade, em que não quero acreditar ...
um exemplo de ser humano ...
não é justo.

um beijo grande

Nádia

2:38 PM  
Anonymous Anonymous said...

Não sei explicar a dor que vai dentro de mim por ter perdido um professor/AMIGO, que estava sempre disposto ajudar no que fosse preciso.Um ser humano como muito poucos.

Muitas vezes dizia para sermos felizes e não sermos uns "velhos" chatos por quem a vida passava ao lado.

Prometo que vou fazer o que nos ensinou de não sermos mais uns a fazer fotografia. Fazer mas marcando a difereça.

FORÇA prof Carlos
Beijinhos para um amigo querido que já mais irei esquecer

Andreia Amaral

2:41 PM  
Anonymous Pipas said...

Bob!
Contigo levas um pouco de todos nós que tiveram a felicidade de te ter como professor e como amigo.
Como alguém me havia dito: "Só morrerei quando os meus alunos me esquecerem"
ass: Pipas

2:44 PM  
Anonymous Anonymous said...

um grande professor que nunca esqueceremos...grande mestre até sempre

paula e rapazdavespa

2:45 PM  
Anonymous Anonymous said...

Como um grande poeta disse um dia...

"when the music is over,
turn out the light"

Eu?... Eu continuo a ouvir a TUA música!!!!

Abraço
Caymao 1996/2000

2:48 PM  
Blogger sôdona.leide said...

"qualquer dia perco-me nesse olhar... um bom dia de anos!"
Rob 2006.10.22

um dia disse-te que tinha amado a tua mensagem de aniversário!

hoje perdi-te a ti!
o meu olhar ficou mais triste...

RIP

2:50 PM  
Anonymous "totó" said...

A última fotografia...
Apesar de tudo não é a última imagem com que ficamos do "Bob".
Penso que todos os que tiveram a oportunidade de o conhecer e de lidar com ele, certamente recordarão com saudade o seu jeito bem disposto de ser e de estar na vida, bem como a forma de a encarar, sempre com um sorriso, como quem posa para uma objectiva.
Eu, pelo menos, recordo-o assim, lembrando-me das suas conversas com os seus "queridos totós".

Adeus prof. Roberto,
Que a sua alma descanse em paz.

Tiago Raposo - IADE 02-381

2:53 PM  
Blogger Marvin the Paranoid Android said...

Um abraço tio Bob! Um grande abraço!

2:56 PM  
Anonymous Anonymous said...

Custa a acreditar, há pessoas q nunca deviam morrer e tu eras uma delas...
Se nao fosses tu eu provavelmente nao tinha seguido fotografia, vais estar sp comigo!
Um grande beijo de coragem também para o Carlos Costa.

2:58 PM  
Anonymous Anonymous said...

Não tenho palavras para explicar a dor que sinto...
Estará sempre no meu coração.

Obrigado por tudo,

Daisi, aluna (99/2003) IADE

3:03 PM  
Anonymous Anonymous said...

O melhor professor do mundo
O melhor amigo
Teras sempre um lugar no meu coração.

Ass. Pedro Rosário
ALENTEJANO

3:06 PM  
Blogger Art Director said...

por muito que tente não consigo escrever.
estou há mais de uma hora a tentar... acreditar... e não consigo!

voltarei a encontrar-te meu amigo... meu mestre

obrigado por me teres ensinares a ver o mundo

um beijo do teu kão traidor

3:09 PM  
Anonymous Anonymous said...

Um voraz generoso, um forte delicado. Um gigante, sem paredes que o contivessem e às lições que a ele fomos e vamos continuar a buscar. Mesmo depois do toque da campainha.

Hugo O'Neill

3:12 PM  
Anonymous Anonymous said...

adeus grande mestre...

--Tiago Veiga (IADE - 95/99)

3:13 PM  
Blogger Fukujitso said...

o homem morre, a obra fica: nós!

3:14 PM  
Anonymous Anonymous said...

É talvez o último dia da minha vida.
Saudei o Sol, levantando a mão direita,
Mas não o saudei, dizendo-lhe adeus,
Fiz sinal de gostar de o ver antes: mais nada.

Adeus professor...saudades!
bianca angelice

3:15 PM  
Blogger antonio said...

O fotografia que lhe tirei na minha mente ainda guarda o sorriso bonacheirão e a gargalhada sonante. E é assim que se irá manter.

Até qualquer dia professor.

António (D2-98/02)

3:19 PM  
Blogger filipa said...

nem sei o que dizer.. soube agora mesmo o que aconteceu e não consigo sequer imaginar.. o nosso mundo sem ele, o iade sem ele, a fotografia sem ele, os alunos e ex-alunos, colegas e o amigo carlos costa que tb foi meu professor sem ele... Roberto, adoro-te, és para mim o melhor professor de sempre, os "tótós" e as "marias" que foram teus alunos adorar-te-ão para sempre, tenho a certeza! Tenho o maior orgulho em ter sido tua aluna. Força e espero que estejas em paz e num sítio melhor que este... Um beijo enorme e uma saudade que vai ficar para sempre*

Filipa (aluna IADE)

3:22 PM  
Blogger Su said...

No meio de infinitas pessoas que sentem e sentirão o mesmo,Amo-te Shrek, para sempre! O melhor coração do mundo ficará sempre comigo e tentarei ser sempre uma pessoa melhor, porque é isso mesmo que fazes: és bom e fazes dos outros melhores!!!

Para sempre, beijos pantanosos

Mau-feitio (mas sempre a tentar ser melhor)

3:24 PM  
Anonymous Anonymous said...

!JUNTOS ESTAREMOS UM DIA!

Carlos força para ti e para a familia do "Tio R".

Jaime Rydel

3:28 PM  
Blogger tiagum said...

sem palavras...
sem saber o que sentir...
sem saber em que acreditar...

3:28 PM  
Blogger meli said...

Há coisas na vida que não fazem sentido, Professor Roberto, estáras sempre no meu coração. Nunca me vou esquecer do seu karma fantástico que só pela sua presença preenchia todos à sua volta com uma energia tão boa... Vou ter muitas saudades suas....mesmo muitas.

Melissa
96/022

3:31 PM  
Anonymous Anonymous said...

Do pouco que privei com o professor Roberto, ele transmitiu sempre uma alegria imensa por ensinar, por nos ver deliciados com essa mesma alegria. Fica connosco a sua maneira característica e simples de ver o mundo de outra forma. Nunca o vou esquecer, o seu humor e a sua visão das coisas.

Até sempre professor

3:31 PM  
Anonymous Anonymous said...

No One But You (Only the Good Die Young)


A hand above the water
An angel reaching for the sky
Is it raining in heaven -
Do you want us to cry?

And everywhere the broken-hearted
On every lonely avenue
No-one could reach them
No-one but you

One by one
Only the Good die young
They're only flying too close to the sun
And life goes on -
Without you...

Another Tricky Situation
A get to drowin' in the Blues
And I find myself thinkin'
Well - what would you do?

Yes! - it was such an operation
Forever paying every due
Hell, you made a sensation
You found a way through - and

One by one
Only the Good die young
They're only flyin' too close to the sun
We'll remember -
Forever...

And now the party must be over
I guess we'll never understand
The sense of your leaving
Was it the way it was planned?

And so we grace another table
And raise our glasses one more time
There's a face at the window
And I ain't never, never sayin' goodbye...

One by one
Only the Good die young
They're only flyin' too close to the sun
Cryin' for nothing
Cryin' for no-one
No-one but you

Ass: 97.231
Tio Roberto, nunca te esquecerei

3:33 PM  
Anonymous Nada é nunca sempre a mesma coisa said...

Roberto, meu querido Roberto a primeira questão é porque, porque é k te foste embora assim...
Mas foste, e por mais que revire a cabeça não há nada que possa fazer, ficará para sempre o jantar por combinar as imagens por ver as letras de tantas musicas tantas tantas e saudade muita saudade... Será que podes aparecer só mais uma vez só uma ultima vez meu professor, meu amigo...

Fica aqui um grande Beijo para ti para o Carlos e para a tua família para eles, Roberto, muita coragem...

Um grande Beijo vemo-nos por ai...
Maria Luis Pinheiro

3:35 PM  
Blogger Ana Sofia Santos said...

as lagrimas que deito sao ja de saudades...nem sei o que dizer, mas recordarei a mensagem alegre que recebi ontem, em que dançou e se divertiu. ja com saudades e com muito amor um beijo grande

3:36 PM  
Anonymous Carolina (IADE) said...

"Odeio-te" para sempre Uncle Bob!

Carolina

3:36 PM  
Blogger madjoe said...

Obrigado por tudo professor.

3:37 PM  
Anonymous João (99I03) said...

I Mais que um professor, um homem com um grande sentido de humor, sempre bem aplicado, com uma perspectiva de vida muito positiva, diferente da maioria... um retrato que ficará presente em cada um de nós. I

Um abraço onde quer que estejas.

3:42 PM  
Anonymous Sofia said...

Meu querido professor...
uma luz linda espera-te para poderes continuar, tão bela como o amor que todos sentem por ti.
As saudades já eram muitas, agora são para sempre.
Sofia Silva
93/127

3:42 PM  
Anonymous ione said...

O melhor professor de todo o sempre, uma pessoa adoravel, divertida.
Na lembrança ficam os bons conselhos e boa disposição deste homem maravilhoso e único.

Quem conheceu não vai esquecer.

beijos

ione almeida

3:42 PM  
Anonymous 90/146 said...

Adeus... e obrigado por tudo que me ensinaste.

3:43 PM  
Blogger MissangaAzul said...

Ainda não consigo acreditar... ainda me estão a cair as lágrimas pela cara abaixo sem que eu as conseguir controlar...
O Roberto é daquelas pessoas que devia viver para sempre... e vai viver, dentro de nós.
Custa tanto.
E um abraço forte para o Prof. Carlos, nem consigo imaginar como está.
Adeus Roberto...
Cátia Nunes
IADE-1997-2001)

3:44 PM  
Blogger vera said...

ao "rei dos tótos", ao meu amigo, um beijo enorme. nada me fará esquecer o que aprendi consigo.
um abraço apertado professor Carlos.

Vera Caseiro

3:44 PM  
Anonymous Anonymous said...

A sua fotografia irá permanecer na mente de todos os que tiveram o privilégio de se cruzar consigo um dia

Até sempre

Alexandra

3:45 PM  
Blogger Filipe said...

O melhor... só porque foi totalmente autêntico e apaixonado pelo que fazia... Estamos todos de parabéns por ter passado nas nossas vidas!

GRANDE ABRAÇO...

Lá nos encontraremos...


Filipe Teixeira
2002-143

3:49 PM  
Anonymous Anonymous said...

um amigo que nunca se esquece...
uma lembrança boa que fica...
UM GRANDE PROFESSOR

99/375

3:49 PM  
Anonymous Anonymous said...

Professor, um forte abraço, assim daqueles. Se quem sabe não esquece, quem aprendeu consigo, certamente saberá melhor ainda.

João Franco (99180)

3:50 PM  
Anonymous Anonymous said...

A imagem que guardo é aquele sorriso, a boa disposição, os conselhos, as aulas imperdíveis de fotografia. E será sempre assim que me vou lembrar de si. Com uma saudade enorme de ver outra vez esse sorriso e ouvir o "olha a minha aluna!... sra. doutora, como está??"
Beijo grande e até sempre.

Sofia Santos
IADE 99/03

3:51 PM  
Anonymous Anonymous said...

Disse-te adeus e morri
E o cais vazio de ti
Aceitou novas marés.
Gritos de búzios perdidos
Roubaram dos meus sentidos
A gaivota que tu és.

Com saudade

Sandra Santos

3:53 PM  
Blogger digs said...

A um grande homem
A um grande professor

Foi uma honra.

3:55 PM  
Blogger bruno said...

"Welcome to where time stands still, no one leaves and no one will. . ."

Até um dia Roberto, sempre a sorrir *

3:57 PM  
Anonymous Anonymous said...

Será apenas uma passagem. Até um dia...

Beijo, também para o Carlos e família

Totó Joana

3:57 PM  
Anonymous Anonymous said...

não acredito no que aconteceu, sei apenas que perdi o melhor professor de sempre e ainda mais um grande amigo que nos compreendia naquela faculdade chamada de IADE, dele ficamos com a recordação de sua boa disposição mesmo que a fotografia não fosse boa e com um pequenino dom, de apreciar a arte de fotografar.

Um grande abraço amigo, serás sempre lembrado como o melhor...

3:58 PM  
Anonymous Tânia Sousa said...

Nem parece verdade...

Um beijo até ao céu, para um excelente professor que nos ensinou acima de tudo a sermos livres..a ir mais além...

Um beijo aqui na terra para o Prof. Carlos, sei que deve estar com o coração apertado..

Até sempre
Tânia Sousa
IADE/98

3:58 PM  
Anonymous Anonymous said...

De uma das suas tótós...

Aqui vai uma homenagem, não a última porque para mim ( e acredito que para muitos) estará sempre no meu coração e na minha memória como um homem fantástico, inteligente e um excelente professor.
As saudades, são já enormes... mas a memória dos seus sorrisos e das suas conversas maravilhosas vão ficar para sempre no meu coração.

A si, prof. Carlos

Força, Força e mais Força. A vida às vezes é assim, injusta e traiçoeira.

Até sempre,

Sofia Franchi (2000/2004)

3:59 PM  
Anonymous Anonymous said...

Sem palavras...

O melhor professor de sempre...
Uma honra...e um previlégio o de o ter conhecido!

Roberto...continuamos e ficaremos sempre amigas!!!!:)

Saudades...
Catarina Cruz

3:59 PM  
Anonymous Anonymous said...

Recomeça...
Se puderes,
Sem angústia e sem pressa.
E os passos que deres,
Nesse caminho duro
Do futuro,
Dá-os em liberdade.
Enquanto não alcances
Não descanses.
De nenhum fruto queiras só metade.

E, nunca saciado,
Vai colhendo
Ilusões sucessivas no pomar.
Sempre a sonhar
E vendo,
Acordado,
O logro da aventura.
És homem, não te esqueças!
Só é tua a loucura
Onde, com lucidez, te reconheças.

Até sempre ROB!

3:59 PM  
Anonymous sandera said...

Deixo aqui uma palavra de conforto à familia.
O mundo fica mais pobre, o Roberto é e sempre será uma das pessoas mais fantásticas que conheci. Sinto muito amor por ele. Por este amigo que ficou para além das aulas.

Um beijo de saudade, de negação mas sobretudo de muito amor.

4:00 PM  
Blogger Nuno said...

Estarás sempre no nosso coração!

Nuno Silva (96/2000)

4:02 PM  
Anonymous Anonymous said...

Após 2 anos de provações e calvário e qd alguns questionavam se realmente valia a pena, eis que um punhado de gente entra naquela mto pequena sala do 2º andar para ser presenteado com uma das mais incríveis demonstrações de como abrir mentes. Entrámos de olhos fechados e saímos todos com eles abertos, ou melhor, nunca saímos, pq realmente nunca queriamos de lá sair.

Obrigado Mestre
João Dantas 94/051

4:03 PM  
Anonymous Anonymous said...

Come chocolates, pequena;
Come chocolates!
Olha que não há mais metafísica no mundo senão chocolates.
Olha que as religiões todas não ensinam mais que a confeitaria.
Come, pequena suja, come!
Pudesse eu comer chocolates com a mesma verdade com que comes!
(...)
Depois deito-me para trás na cadeira
E continuo fumando.
Enquanto o Destino mo conceder, continuarei fumando.
até já...
ana rita fernandes

4:07 PM  
Anonymous Anonymous said...

não o conheci pessoalmente, adoro o blog. ver as suas fotografias cheias de vida, humor, beleza. os titulos das mesmas. hà mais de dois anos que todos os dias de manhã o visitava e agora...

4:07 PM  
Anonymous Manuel Barbosa said...

A um grande professor e a um grande homem um abraço de saudade. E outro grande de força neste mau momento para o Professor Carlos.

4:08 PM  
Anonymous Anonymous said...

Cheguei ao topo da Montanha.
Olho para o caminho que percorri. Encho o peito de ar...fecho os olhos...e fluto-o no silêncio...
Imagens ecoam na minha cabeça, à medida que toda a Natureza me contempla...
Eu e a Natureza...Uma só.
Era o Momento.Chegou finalmente a Hora. E atrás de mim uma linha torduosa, uma sôfrega espera, um caminho cheio de luz, percorrido pelos olhos de um cego...
Um percurso tão longo...e tão "cheio".
Abro as mãos e sinto o vento intenso percorrendo as extremidades dos meus dedos, viajando para o Interior, arrefecendo um coração outrora quente, vivo, vermelho.
E invade-me um sentimento de pena.Tinha deixado, lá em baixo, o meu pequeno Mundo, desprotegido, completamente alheio a esta minha última e derradeira caminhada.
Embrulhei-o em memórias, das mais intensas e verdadeiras, para que no Momento, pode-se pensar: "Valeu a pena".
Guardo então o Meu Mundo, na minha mão. Sinto o seu pulsar vibrante. Está vivo. Um Mundo vivo numa mão inerte.
Respiro novamente e deixo que o meu corpo se arraste na corrente.
Eu e a Natureza, numa dança, em que eu e Ela somos Música, o chão, os dançarinos, os músicos...

Disperso-me.Eu não sou mais Eu. Eu sou Montanha, sou Água e Vento.
Eu sou Vida que tu sentes, bebes, pisas e que percorres sem que apercebas, realmente, do teu caminho...
Faço parte de ti. Assim como tu um dia farás, ao abraçares os ventos da Montanha.

ass: massa sovada

4:08 PM  
Anonymous Anonymous said...

Pássaro in
Pássaro pairando
Pássaro momento
Pássaro ar
Pássaro ímpar
Parou pousar
Parou repousar

Pássaro som
Pássaro parado
Pássaro silêncio
Pássaro ir
Pássaro ritmo
Passar voou
Passar avoou

Pássaro par

Pássaro in
Pássaro pairando
Pássaro momento
Pássaro ar
Pássaro ímpar
Parou pousar
Parou repousar...

Obrigada grande MESTRE
Vanessa Krithinas B1*97/01

4:09 PM  
Blogger ana said...

Fui sua aluna a cerca de 3 anos, e marcou-me.
Para sempre ficam marcadas na alma, as aulas fantásticas, o enorme sorriso, sincero e calmo, as doces gargalhadas e as trocas de brincadeiras.
Um optimo professor, um grande homem, uma pessoa extraordinária...
Ficarão as saudades e as boas lembranças.
Consigo, sempre

Ana Maria (00/307) Publicidade

PS. Prof Carlos um grande abraço para si. Tenha força e alegria para continuar a vida como o prof Roberto iria exigir que o fizesse.

4:09 PM  
Anonymous Filipe Teixeira said...

Um grande homem que viveu a sua vida escrevendo mensagens e imagens na luz.

A luz fazia parte da sua vida... Trabalhava-a, comunicava-a, ensinava-a e partilhava-a.

Agora, vive e viaja na Luz que existe dentro e fora de nós.


Para um amigo e mentor.


PS - Vou sentir falta dos jarrinhos na Dª Elisa.

4:12 PM  
Blogger Oshumuta said...

A ti, amigo de sorriso nos lábios e contagiante boa disposição. Serás sempre um 'bon vivant'.
Até Já Roberto.

Luís e Tânia

4:12 PM  
Anonymous Rodrigo 95/99 said...

Um professor como todos os professores deviam ser. Um homem como todos os homens deviam ser. Num click apaga-se a luz...e o Mundo fica mais pobre, mais triste...

4:14 PM  
Anonymous Anonymous said...

Estarás para sempre no meu coração, és um exemplo de vida e de amizade. Sempre com um sorriso amigo.
Não dá para acreditar.... não pode ter acontecido.

Um beijo enorme, da tua para sempre amiga.
Cheila Silva

4:14 PM  
Anonymous Anonymous said...

"Os Amigos não são só para as ocasiões...
São para sempre."
Para sempre nas minhas boas memórias,
para sempre no meu coração!

Um eterno abraço Roberto!
Carlos Gorjão

4:15 PM  
Anonymous Joana said...

Um abraço especial carregado de saudades, para quem me ensinou porque é que o céu é azul...

4:17 PM  
Anonymous Anonymous said...

um homem inesquecível!
não da para acreditar...
força Carlos!
com muito amor e grandes saudades
Xenia

4:18 PM  
Blogger Joana said...

de sorriso nos lábios... SEMPRE!

ser humano unico, incrivel, magico...!

um beijinho grande para ti... meu professor!

Joana Almeida 01/251

4:19 PM  
Blogger José Goulão said...

This comment has been removed by the author.

4:21 PM  
Anonymous xolitos said...

Guardo na memória as aulas excelentes em que o mais importante nem sequer era aprender (e da sensação estranha de não saber como te tratar, se por professor, se pelo teu nome) um grande almoço interrompido por uma aula tua e os nossos encontros ocasionais na estação de Paço de Arcos.

4:23 PM  
Blogger José Goulão said...

Até sempre Roberto

4:27 PM  
Anonymous Anonymous said...

Sem dúvida uma alma de excepção! Um humor fora de série.
Sem dúvida que Deus leva os que mais gosta...
Como poderia não te levar Roberto?
Até sempre Professor.

Maria João Reis de Melo
IADE 1996/2000

4:27 PM  
Blogger Luis said...

ainda não percebi muito bem o que os meus amigos e ex-colegas do IADE me disseram... é difícil de acreditar.
És uma boa imagem que vai ficar para sempre nos nossos corações, um grande abraço Prof. Roberto.
Luis Silva (96/2000)

4:28 PM  
Anonymous Anonymous said...

nem sei o que dizer.

É sem dúvida o professor que mais me marcou em toda a minha vida.

Pessoas como ele não existem.

Um abraço de saudades

Vemo-nos do outro lado

4:29 PM  
Blogger Maria João said...

fiquei...

sem palavras.

atónita.

na confusão incerta dos pensamentos
apenas me ocorre uma única certeza,
deixará saudades,
muitas,
a todos os que tiveram o privilégio de o conhecer.

Maria João Lopes (aluna IADE 97/2001)

4:29 PM  
Anonymous Anonymous said...

...o mundo perdeu um grande Ser...
um Mestre para todos nós,
...alguém que sempre julguei ser imortal...

Alguém que merecia mesmo ser imortal!

Custa encarar a realidade e dói pensar no encontro adiado vezes sem conta, por sentir que teria de ser marcado quando houvesse tempo para gozar o momento.

Roberto, foste juntamente com o Carlos, a referência de uma educação... e valeu cada minuto!

Foi um privilégio... uma honra... que infelizmente não pude retribuir...

Um grande abraço para ti... até logo!

Carlos... um grande abraço e muita força!

Cumprimentos sentidos à família!

Beetle! ( o rapaz do carocha! )

4:30 PM  
Blogger expressodalinha said...

Levanto-me às duas da tarde. Dou uma cacholada rápida na piscina e precipito-me para um pequeno-almoço substantivo no "Capelo", ali ema Santa Luzia. Encomendo um bife de peixe agulha antes que a cozinha feche.
O restaurante esvazia-se rapidamente. Acabo sozinho com os proprietários e empregados que, numa mesa ao lado, se preparam para almoçar.
Eis que subitamente, pelas 16 horas, aparece de supetão o Roberto. Mais ninguém entraria àquela hora. A porta há muito estava fechada... Mas, para ele, nenhum problema. Apenas entrevisto da janela, logo se precipitaram a abrir-lhe a porta, varrendo o chão que pisava, até o conduzir, respeitosamente, à minha mesa.
O Mestre sorria com a habitual bonomia e a todos abençoava.
Cumprimentou efusivamente o Zé Capelo, dono e cozinheiro, a quem trata por "tu" por razões obscuras que se perdem na bruma dos tempos. Há quem jure ter sido uma valente pedrada de medronho, partilhada já lá vão vinte anos; outros asseguram tratar-se de velhas cumplicidaddes dos tempos coloniais na distante ilha do Fogo... Não sabemos!
Agora sentado, o Mestre começou por rapinar copos de tinto que os desgraçados empregados tentavam disfarçadamente emborcar e, de repente, como por artes mágicas, tinha já ao seu dispor a garrafa inteira e uma estupeta de atum para aconchegar.
Ó maravilha das maravilhas: entrou, saiu, bebeu, comeu, nada pagou e foi como se ainda lhe ficassem em dívida.
jp

4:32 PM  
Blogger Flying Panda Xiu said...

Nunca esqueci e certamente nunca vou esquecer esse grande homem e excelente professor que era o Roberto.
..a última vez que o vi foi a sair da estação de Santos a caminho do IADE com a sua pasta preta em passo acelerado...era uma grande figura esse senhor.
Um grande abraço com saudades.
Rita Cerqueira (94/417)

4:33 PM  
Anonymous Anonymous said...

mestre roberto... escrevo-lhe de novo porque so me lembro de uma coisa... "Dezembro"... Lembra-se? :)

--Tiago Veiga (95/99)

4:34 PM  
Anonymous Vasco Martins said...

Cruzámo-nos há muito pouco tempo nas escadas rolantes da estação Baixa-Chiado... apesar de não termos tido tempo nem para trocar uma palavra a "festa" foi a do costume!

Não consigo escrever mais..... a não ser... Até um dia destes Roberto!

4:34 PM  
Anonymous Anonymous said...

A Ti, Roberto, por esse sorriso imenso!

4:36 PM  
Anonymous CAt Vieira said...

que tonteria esta vida unica e irrepetible que nos fue donada.

hasta la proxima

4:36 PM  
Anonymous Cristiano Aguilar said...

Na memoria fica a tua sinceridade com que me topavas a léguas. De tudo o que me lembro do IADE, tenho tendencia para apagar o mau e guardar o que de bom lá passei. E nunca em momento algum te apagaste da minha memoria. O teu sorriso quando eu trazia mais uma tanga para protelar mais um prazo que já era irreal de tão desrepeitado. A maneira como me topavas mas nem por isso te chateavas. Chamavas-me de tangas com as letras todas. E com isso eu aprendi a viver mais. Porque tu sabias. E eu sabia que tu sabias. Um grande bem haja.

4:37 PM  
Blogger pedro said...

Porque era grande não só de corpo como era de Alma, o tamanho desta vê-se pelo tamanho da pegada, que deixou no coração de toda a gente.

Pedro Reis IADE/01422

4:37 PM  
Anonymous Anonymous said...

o contacto foi recente e breve...demasiado breve para quem, como tu, iluminava o dia com a boa disposição e o sentido de humor.

até sempre!

rs

4:37 PM  
Anonymous Anonymous said...

Tanto para te dizer meu querido amigo.... Sobram-me as lágrimas, falta-me as palavras...
Sinto-me perdido e desorientado. Assim não vale mestre... assim a vida vale menos, muito menos.

Mileu

4:38 PM  
Anonymous Anonymous said...

há pessoas que deveriam ser imortais, apesar de te teres ido para um sitio bem melhor, tu permaneceras imortal em todos os nossos corações. pessoas como tu não morrem, vivem para sempre na nossa mente.
obrigado por o que me transmitiste
R.C.

4:39 PM  
Blogger pedro said...

"...coração independente, coração que não comando, que vives perdido entre a gente, teimosamente sangrando, coração independente...
Eu não te acompanho mais, pára, deixa de bater, se não sabes para onde vais, porque teimas em correr se eu já não te acompanho mais..."

Um grande abraço para o Prof. Carlos.

Pedro

4:39 PM  
Anonymous Anonymous said...

Um dia triste para todos nós.

Que encontres algo mais do que esta realidade mundana no sítio para onde foste esta manhã.

Vemo-nos por lá. Grande Abraço para um grande homem.

03/393

4:40 PM  
Anonymous Anonymous said...

Demorei algum tempo a conseguir fazer um comentário... As saudades que me deixas são enormes, não foste o melhor professor que tive, foste O Professor.
Nunca te esquecerei,

O teu Moinho.

4:46 PM  
Anonymous Anonymous said...

As minhas condolências para a família, amigos e para todos os que partilharam momentos com o GRANDE Roberto.

José Martinho.

4:47 PM  
Blogger sofiazinha said...

Se existe um professor que vou recordar toda a vida, esse professor és tu, querido Roberto Barbosa. Quero agradecer-te todo o teu apoio, ajuda e força, quando decidi ir para a Alemanha. Sem ti não teria sido possível!
Nunca te esquecerei...

Sofia Sanches (a pequenina com mais energia) IADE 2000/2004

4:47 PM  
Anonymous Anonymous said...

I remember his smile and charisma – forever. Deepest sympathy.

Julia de Vienna

4:48 PM  
Anonymous iara said...

o nosso professor roberto, o nosso amigo.

deixo lhe um beijinhos grande de muitas saudades.

iara

4:49 PM  
Blogger sofiazinha said...

O meu Abraço à família e em especial ao Prof. Carlos.

Sofia Sanches(a pequenina com mais energia) IADE 2000/2004

4:49 PM  
Anonymous Anonymous said...

Soube agora e não consigo encarar a realidade...Ao Homem que mais compreendia as mulheres, ao Homem que mais sabia sobre amizade e que muito me ensinou tanto nas aulas como nos almoços... Que vejas o que nunca conseguiste ao som do que mais gostas!Um abraço e até sempre!
E para o Carlos, o verdadeiro irmão, muita força para este momento difícil!

Gonçalo Costa (00/04)

4:52 PM  
Blogger Ana Filipa Rebelo said...

o melhor professor de tantos anos de estudo, professor como eu nunca vi igual sempre bem disposto e sorridente.... nunca o vou esqueçer.
insensatez..como? e porque????

muitos e muitos bjs Filipa Claudio

4:53 PM  
Blogger ana said...

Foi um grande prazer conhecê-lo!
Um grande beijo e até breve.
Beijinho de força ao Carlos.

4:54 PM  
Anonymous Anonymous said...

Sempre bem disposto, alegre, simpático, um amor de pessoa. Vou ter muitas saudades do Tio Roberto que muitas alegrias me deu e muito me marcou.
Estarás sempre no meu coração!

Ao Carlos um grande beijinho.

Mónica Rebelo

4:55 PM  
Blogger Perdido said...

Faltam-me as palavras.
Soam-me a pouco, soam-me a gasto.

Ninguém o vai esquecer.

Abraço.

4:57 PM  
Anonymous Anonymous said...

A notícia chegou de xoufre...
Mas acho que o Prof. Roberto "vingou-se" bem...
A questão maior à hora de almoço era: "vamos oxidar, ou desoxidar?"
E para mim, a lição é esta:
Tentarmos levar a vida com 1/10 do profissionalismo, da cultura, da amizade, da boa onda, do cavalheirismo, da sede de viver deste senhor.
A lição é essa.Vamos ter um mundo melhor de certeza.

Um dia destes, bebemos um copo, Grande abraço Prof. Roberto

André Lopes (96-2000)

4:57 PM  
Anonymous Anonymous said...

Partilhavámos do mesmo gosto pela música, fotografia e vida!
Foi uma honra chegar ao 4 ano de Publicidade e entrar lá em baixo na cave para ter aulas com dois profs maravilhosos, Carlos Duarte e Você, Roberto. Ensinaram-me muito sobre a imagem...OBRIGADO.
Vai ficar sempre na "minha" imagem. Ainda lhe vi quando tive aí de férias há cerca de um mês e meio! Perguntava-me se eu estava ali na zona do Iade, para ver as novas alunas?!! Mais uma gargalhada e um abraço...como sempre! Para sempre também há-de ser meu Professor!
Ainda não acredito...
Estou em Angola_Luanda, a fazer o que aí me ensinaram...comunicar!
Daqui lhe envio os meus sinceros respeitos a si, à sua família, e a toda a equipa que o acompanhava aí na cave!

Tou triste...
Ricardo Ayala

ao Carlos Costa um abraço muito forte.
Coragem Prof!

4:58 PM  
Blogger telmitaya said...

Não vou ao Iade há muito tempo, mas hoje ia ter uma aula ás 15h30 com o Rob, ia finalmente mostrar-lhe o meu projecto com fotografias que pensei que ele ia gostar... Adeus, nunca te esquecerei.

4:59 PM  
Anonymous Anonymous said...

É dificil trocar por palavras tudo o que estou a sentir neste momento...

Obrigado Roberto por ser como sempre foi...

Beijokas Xlarge
Sansan

4:59 PM  
Blogger Fabia_ said...

My dear Roberto,
I couldn`t see you that often, but the times I did where so precious, intensive and filled my time in Lisbon with joy and thousands of sparkling moments.

Thank you for everything and for every second you stayed on earth. You made this world rich with your wonderful warm person. You`ll be always with me, my heart and all the other people`s hearts as long as we come up to where you are now.

Carlos, I send you all the strength I have - for that you probably can give back a laugh to Roberto up there - that is surely what he would like to see: that we are soon again happy for the fact, that we had the honour to know such a fantastic person and keep him always in wonderful memory.


Thank you, Roberto - you have been my portuguese soul.

Fabia, Erasmus student IADE 2004

5:00 PM  
Anonymous Anonymous said...

Não consigo acreditar... descansa em paz em nome de todos os que te admiravam e ainda admiram como pessoa e como proffisional


Márcio Pité 01/523

5:00 PM  
Anonymous Anonymous said...

O meu querido professor,
I will never forget you...

Ivana

5:02 PM  
Anonymous Anonymous said...

Há pessoas especiais que todos os dias brindam à vida... Um bem haja professor, por ser um ser humano assim. O corpo partiu, mas sempre que me lembrar da alma, saberei que vale a pena brincar e sorrir...

Até sempre, Carolina

5:06 PM  
Anonymous Anonymous said...

Como é possivel que isto tenha acontecido? Quando me disseram não queria acreditar... Simplesmente não era possivel!
Infelismente é verdade mas continuo a não acreditar!

É sem dúvida a maior perda dos últimos tempos pra mim. Roberto foi sem Nenhuma dúvida o melhor professor que tive até hoje mas também um grande amigo.

Para recordar ficará aquele seu grande sorriso e a sua boa disposição para uma boa conversa e para uma boa brincadeira.
Tenho muita pena que só o tenha conhecido neste último ano de faculdade mas mesmo assim posso dizer com toda a certeza que o professor Roberto era um optimo amigo!

Com muitas saudades de Si

E até um dia destes com certeza

E muita força para o professor Carlos que mereçe também o nosso total apoio.
Beijinhos e Abraços

Marta G2

5:07 PM  
Blogger El Gordo said...

This comment has been removed by the author.

5:07 PM  
Blogger El Gordo said...

Agora sim, terei a certeza que os relâmpagos em dia de trovoada serão fotografias tiradas do céu...

Que saudades, Roberto, que saudades insuportáveis...

Carlos: lembra-te que terás sempre um pouco do Roberto em cada um de nós. Grande abraço!

5:07 PM  
Blogger aquele_gajo_do_sporting said...

Ainda nao acredito.... Quem nos vai chamar tótós agora? Quem vai dar aquelas aulas em inglês que eram só gargalhadas??? Quem vai gozar comigo por causa do Sporting??? Vais fazer mta falta... mas vais ter a homenagem que mereces... um grande abraço Professor Shrek.

5:13 PM  
Blogger Nicole said...

Há os que vêem, os que vão e os que ficam.

E há ainda os que ficam e deixam um legado eterno.
Esta lápide virtual é a prova viva disso.

Obrigada e um até sempre bem sorridente.

Saudades*

5:17 PM  
Blogger jojo said...

estou tão triste... :(

5:21 PM  
Blogger Zaka said...

Um dos melhores professores que tive! Um amigo com um sentido de humor brilhante. O companheiro que visitei no hospital horas depois de ter reparado o coração e que nos recebeu logo com as piadas habituais! Enfim... o amigo com quem partilhei brincadeiras e gargalhadas!
O homem que sabia ser sério e encantadoramente humano!

O mundo ficou sem dúvida muito mais pobre!
Mas quem se ama, nunca morre! Por isso Roberto... até um dia! Pois sei que estarás sempre no nosso pensamento!

Beijo grande da "Senhora Engenheira"

5:21 PM  
Anonymous Anonymous said...

nao sei o que dizer...
Talvez continuar a fotografar sera a melhor resposta para dizer tudo aquilo que sinto.
Se alguem um dia me fez ver aquilo que hoje vejo quando pego na minha maquina foi o Roberto... e por isso so tenho que continuar a sorrir sempre que olho pela objectiva.
Obrigado por tudo pelo sorriso, pela amizade, pela alegria.

Moxxo...

5:25 PM  
Anonymous Inês Reis 03/357 said...

não quis acreditar...
ainda não acredito...
não consigo imaginar o será o iade sem ti...
o que será a cave sem ti...
o que seremos sem ti...

nunca tinha perdido uma pessoa que gostasse tanto.

Foi o melhor professor que tive, era o mais divertido, o mais simpatico, o mais alegre. Transbordava alegria e contagiava todos!

Um mestre que amava o que fazia e que adorava explicar as imagens... as imagens que ele entendia melhor que ninguem!

Tenho muita pena de apenas te ter conhececido este semestre... mas o pouco tempo que estive contigo aprendi imenso!

Adorei conhecer-te, nunca te esquecerei!

Um beijo enorme com imensa SAUDADE

(e não tenho assim tão mau feitio como dizias) :P

5:25 PM  
Anonymous Anonymous said...

Normalmente quando as pessoas morrem, são sempre as melhores do mundo, etc. Mas este prof era mesmo o melhor. a par do prof carlos costa. estão a ver uma sala de aula sempre a transbordar? parece irónico, mas é verdade. Nem cabíamos lá dentro e ficávamos agarrados aquilo durante duas horas a fio. q cena...a notícia apanhou-me desprevenido. abraços para todos

Daniel - IADE 2001/2005

5:27 PM  
Anonymous Anonymous said...

Ainda agora soube da notícia, e não sei o que pensar. Só sei que nunca o vou esquecer, pois tudo o que guardo dele são boas recordações, alegria, sorrisos,...

Saudades.
(Muita força e beijinhos Prof. Carlos Costa)

Sara Menitra (IADE2000)

5:29 PM  
Anonymous Anonymous said...

O Iade está de luto..

Perdeu o Brio, a criatividade, o calor humano, o elo de calor que derrete o gelo na ligação geralmente formal entre alunos e professores, a boa disposição, o companheirimo, uma ESTRELA.

È inxeplicável este sentimento de dor, de vazio..

O professor será sempre o nosso preferido, e seguirá nas nossas imagens para todo o sempre!

Da mulher que está sempre a refilar.. Um Beijo com mta saudade!

Filipa Brás * 03/174

5:30 PM  
Anonymous Anonymous said...

...Disseste-me ainda há pouco tempo:

"A ponte somos nós, não existe uma ciência"..."É a forma como sentimos!..."
"Não é uma peça,não é uma ferramenta, não é um clique..."

"Tens de acreditar!...Vem de dentro de ti."

Colocando a mão direita sobre o peito disses-te também, como de tantas outras vezes:

"Estarei sempre aqui! Sempre que precisares!"...

...

Estarás sempre aqui!
Com esse sorriso,
Aquela luz nesse olhar cheio de vida...
Essa luz que nos preenche!...


Não acredito nesta sombra que não é real, nesta ausência...

Obrigada Mestre...
Ensina-me para sempre!

Cristina Valdoleiros

5:32 PM  
Anonymous Anonymous said...

Mais do que um professor..Um amigo para a vida.. Irá estar sempre presente no nosso coração..foi uma honra conhecer este homem.irei guardar sempre na memória aquelas enores risadas e a boa disposição que encarava a vida..
um beijo do tamanho do mundo da aluna com "mau feitio" como sempre me chamava
Rita

5:33 PM  
Anonymous Nuno Cruz said...

É com uma enorme tristeza, que aqui venho prestar a minha homenagem ao mestre...não...AMIGO,pk foi sempre assim que o vi, assim como ele a nós alunos, nunca me vou esquecer acima de todas as qualidades que tinha, da boa disposição que marcava tudo por onde passava...

5:33 PM  
Anonymous Anonymous said...

Um segundo. Ás vezes basta um segundo nas nossas vidas. O Roberto não foi meu professor, embora eu tenha sido aluna no IADE. Um dia cruzei-me com o Roberto no portátil de uma amiga minha muito especial que ele amava. Sim, porque os seres especiais encontram-se e tornam a vida das outras pessoas mais bonita e cheia. E disse: "Que alma tão bonita!". Estavamos curiosos para nos (re)conhecermos mutuamente. Foi amor à primeira vista. Inevitável não o ser, tratando-se do Roberto. Ele disse que os meus ohos eram um perigo... dois poços negros e profundos onde as pessoas se podiam afogar. Disse-lhe que ele era o Pai Natal. Riu-se. Com aquele calor que vem de África. Há algum tempo despedi-me dele com um grande abraço, apertado e doce. Queres ir para Borba, para quê? Não vás, disse-lhe. Fica connosco... E ficará. Para sempre no meu coração. Foste um cometa na minha vida. Rápido, fugaz, belo. E eu sinto-me mais rica por ter tido essa benção. Graças por tanta generosidade numa existência tão sábia. Encontrar-nos-emos algures numa galáxia, num outro Universo paralelo, numa outra Vida. Da Bruxinha "Isotérmica", beijos feitos de purpurina***

Para a família os meus sentimentos sinceros.

Para ti Carlos, Um abraço de Luz e Força.

E para ti Lia, estou aqui.

Susana Vitorino

5:33 PM  
Anonymous inês azeitona said...

meu querido professor vou ter tantas tantas saudades suas!

acho que hoje é Dezembro!

5:35 PM  
Anonymous Fabs Costa said...

Uma das lições mais importantes que aprendi do meu tão Querido Mestre, foi a verdade da alegria, que se dá, que se recebe, que se partilha e que se vive.
A alegria é também uma questão da inteligência mas há algumas pessoas, poucas, que nascem já com esta capacidade, de ter e levar a alegria a todos quantos se cruzam no seu caminho.

Faz hoje oito dias, recebi uma mensagem entusiasta do meu Querido Mestre, Professor e Amigo.

Estávamos a pensar numa nova exposição da mms, uma por dia, acho que a convite do IADE, num sítio muito bonito.

Para quem não sabe, há um ano fizemos uma exposição que gostámos muito, na Adega do Marquês de Pombal em Oeiras e em Dezembro último completámos uma maqueta para um livro com 365 fotografias da mms, uma por dia, (que se encontra em apreciação na TMN) com imagens deste blog que são por si só, também, uma homenagem da alegria, do elogio da amizade, da felicidade e do bom gosto, sempre.

Queria deixar expressa a vontade do Nosso Querido Mestre em publicar este livro e outros dois que temos entre mãos aqui no atelier e com a Câmara Municipal de Portalegre, com fotografias da sua autoria.

Assim, aqui expressamos também a vontade e homenagem da nossa equipa de design (eu, Fabiana, a minha tão querida amiga Marília Cabral, também professora na nossa escola e o Lui), em editar este livro que é um testemunho vivo do nosso colega, professor, designer e grande amigo, no qual nos comprometemos desde já, a passar a sua mensagem de alegria, de entusiasmo, de paixão, 365 dias por ano.

Com muita amizade, fabiana.

5:36 PM  
Anonymous Vera Almeida said...

Estou triste, como é possível acontecer uma coisa destas a uma pessoa tão especial! Guardarei para sempre a sua imagem, o som das suas gargalhadas, o brilho do seu olhar e a maneira como alegrava qualquer espaço onde estivesse!
Um beijo enorme cheio de saudades da sua “deusa urbana”
Estará sempre no meu coração**

5:37 PM  
Anonymous Anonymous said...

De facto... custa muito a acreditar, é uma perda gigante e uma grande saudade para os que cá ficam!
Mas tenho a certeza que aí, nesse sitio espetacular onde estás, continuas com essa boa disposição contagiante, lindo, maravilhoso, cómico, sentimental, lindo, lindo, lindo...
E esses milhares de "tótós" que aí estão, em pouco tempo, vão ficar totalmente apaixonados por ti!
Apesar das saudades que já sinto, não consigo parar de pensar em ti com um sorriso nos lábios. Todos os momentos contigo foram tranquilos, genuínos e de facto BONS!
Quando aí chegar jantamos!!?

Até logo.
Muitas muitas saudades!!
Muitos e muitos beijinhos!!

Ana

5:38 PM  
Anonymous Anonymous said...

Aprendi com o Roberto que a luz era sempre mais luminosa do que me parecia, que a simpatia e a boa disposição nunca eram demais, que na vida havia sempre tempo para deixar mais alguém entrar.

A ti que conservavas bocados de mundo em frascos de vidro um sorriso e um abraço, na alegria de saberes que existes sempre na nossa vida.

HugoP

5:39 PM  
Blogger Raquel said...

desde cedo que soube a noticia...queria escrever lhe professor mas nao consigo...um beijo eterno da loirinha raquel! 2001/307.

5:43 PM  
Anonymous Anonymous said...

Que tristeza. Estou inconsolável...
O mundo fica muito mais pobre sem o nosso querido professor Roberto. Para ele um grande e eterno abraço!

// André Caxaria

5:43 PM  
Anonymous Anonymous said...

Se nos afectos a alma se encontra
se no coração dos homens a solidão se transforma
se na ausência a ternura se manifesta
se da luz de todas as cores o arco-iris se alimenta
se na presença de uma sensação a nossa emoção se manifesta
se na certeza dos abraços certos e despertos a minha dor se entrega,

todos os "se's" que nunca mais direi, serão os acompanhantes das moradas dos nossos encantamentos lá longe, mas tão perto!

Aqui e para sempre a AMIGA, A DOS AFECTOS como sou conhecida,

Cecília Melo e Castro de nenúfares vestida para abraçar a luz que TE ENVOLVE MEU AMIGO!

Beijinhos para sempre.

5:47 PM  
Anonymous Anonymous said...

Nunca esquecerei a sua simpatia matinal, com que ele me "brindava" logo pela manhã quando chegava ás suas aulas, contagiando-nos de boa disposição. Um eterno obrigado pelas suas palavras sábias, e pelas "conversas de café"...
Fica aqui a minha homenagem profunda e sincera, do momento...

5:50 PM  
Anonymous Anonymous said...

Hoje faltam-me as imagens.

Abraço sentido à familia, ao Carlos e a todos os que tiveram o prazer de te conhecer.

Rui Quinta

5:58 PM  
Anonymous Anonymous said...

Demain, dès l'aube...
Demain, dès l'aube, à l'heure où blanchit la campagne,
Je partirai. Vois-tu, je sais que tu m'attends.
J'irai par la forêt, j'irai par la montagne.
Je ne puis demeurer loin de toi plus longtemps.

Je marcherai les yeux fixés sur mes pensées,
Sans rien voir au dehors, sans entendre aucun bruit,
Seul, inconnu, le dos courbé, les mains croisées,
Triste, et le jour pour moi sera comme la nuit.

Je ne regarderai ni l'or du soir qui tombe,
Ni les voiles au loin descendant vers Harfleur,
Et quand j'arriverai, je mettrai sur ta tombe
Un bouquet de houx vert et de bruyère en fleur.

Victor Hugo

Ta Française,à jamais...

5:59 PM  
Anonymous Anonymous said...

viverás para sempre nas nossas memórias.. Professor Bob * sem dúvida um ser único, inesquecível..

Força para o prof. Carlos e família*

6:01 PM  
Anonymous Anonymous said...

esse sorriso, simpatia, boa disposiçao experiência e sabedoria são inesquecíveis.

obrigada por ser assim...

carina bértolo (94/256)

6:01 PM  
Blogger rombonopolvo (Ana Caldas) said...

"Gigante" (música cabo-verdiana)

Ka ten gigante
nem mais forte
nem mais fraco
ki ta kabanu ku amizadi ki nos ten

sociedade di oje en dia
els ka cre amizadi
curiosidadi ki tenes ta papia rabes di nos
els cre pônu na solidon ki Deus ka deixa

E nos consciencia Deus ki toma riba la na ceu
nos coraçon sta dibaixo dum pena branco no jardim
(...)

Rob e Carlos... morabeza!

6:01 PM  
Anonymous Anonymous said...

mais uma aluna que como tantos outros o adoram,e irao adorar para sempre. nunca me vou esquecer do seu sorriso e alegria de viver.uma pessoa que o mundo nunca devia perder.vamos ter muitas saudades...um beijo enorme

Telma Leal

6:05 PM  
Anonymous Marta said...

hoje de manhã quando ía no comboio por volta das 10 e tal da manhã,a passar antes da cruz quebrada, vi imensos homens da policia maritima no pardão.. Soube agora o que aconteceu...não quero acreditar q a pessoa q estava por baixo daquele pano branco era o NOSSO GRANDE PROFESSOR ROBERTO!! Ficará concerteza na minha memória todos os momentos q passámos juntos, a rir, a dizer mal de mim...Aqui fica um grande beijinho para si que foi para um lugar melhor q este.
A sua aluna do Mau-Feitio
Marta Ataíde

6:06 PM  
Anonymous Ana Silva IADE'87/91 said...

Sem dúvida um Prof. que me marcou, que me iniciou no mundo da fotografia duma forma que só ele sabia. Aulas inesquecíveis que passavam a voar, por não querermos que acabassem nunca... Até sempre, Mestre. Um grande obrigado pelo que me deste.

6:06 PM  
Blogger alecs said...

Roberto, assim como nunca soube dizer palavras que chegassem para descrever a beleza que tinhas em ti, não sei como descrever o choque, tristeza e saudades que passei a sentir.

O vazio que fica, contrasta infinitamente com a luz com que encheste a vida de todos os que tiveram a oportunidade de te conhecer.

Para sempre amigo, para sempre relembrado. Saudades.

Carlos, deixamos-te um abraço forte com a esperança de que te ajude a suportar este momento.
Bruno Cartaxeiro e Sónia Dionísio

6:09 PM  
Anonymous uia said...

Se valeu a pena rir foi com este magnífico homem. Enorme em todos os sentidos, o Roberto será sempre evocado como o melhor professor que já tive.
Aqui fica o beijo e o abraço apertado que nunca lhe cheguei a dar.

Lia

6:14 PM  
Blogger Rui said...

Nunca uma cave escura teve dois "monstros" que reunissem tanta simpatia e carisma.

Talvez por serem interessantes.
Talvez por dizerem coisas certas...ou simplesmente por nos chamarem totós que, de facto, o éramos até ouvir as suas palavras.

1 abraço ao que parte.
A cave estará mais escura agora.
Força Carlos Costa.

6:15 PM  
Blogger Inês Inácio said...

Inês Inácio:

Na imagem tudo está lá por alguma razão, mas na vida as coisas também funcionam um pouco assim...as pessoas com que nos cruzamos neste caminho têm um significado, e o professor,marcou o modo como vejo o mundo agora (apesar de hoje ficar mais pobre).

Muitas saudades de um ser humano exemplar****

6:16 PM  
Anonymous Anonymous said...

O ROBERTO....

SANDRA 04/134

6:36 PM  
Anonymous João Matos said...

Um professor que marcou a minha vida académica, e a de todos os alunos que se formaram no IADE.

Sempre será uma referência... para todos nós.

João Matos(Iade)

6:36 PM  
Blogger AliEn said...

A ti Roberto...
O teu exemplo é um modo de vida a seguir. Inspiraste todos os que se cruzaram contigo e sei que todos nós eramos teus filhos. Cuidavas de nós com muito carinho. Seguirei as tuas palavras, os teus almoços, como uma cassete que passo vezes sem conta para nunca me esquecer das tuas palavras e conselhos Dedicarei o meu próximo filme a ti!

Abç dos abraços
Até já
Pedro Bruno Rodrigues

6:36 PM  
Blogger AliEn said...

A ti Roberto...
O teu exemplo é um modo de vida a seguir. Inspiraste todos os que se cruzaram contigo e sei que todos nós eramos teus filhos. Cuidavas de nós com muito carinho. Seguirei as tuas palavras, os teus almoços, como uma cassete que passo vezes sem conta para nunca me esquecer das tuas palavras e conselhos Dedicarei o meu próximo filme a ti!

Abç dos abraços
Até já
Pedro Bruno Rodrigues

6:37 PM  
Anonymous João Pinto / André Janicas said...

Não é um adeus, professor Bob! É um até já...! Um abraço

6:40 PM  
Anonymous Anonymous said...

Roberto, tenho a certeza que concordas comigo.
Hoje porque é um dia muito especial para nós que por cá ficámos, tu dirias para todos: "muito riso e muita alegria, pois a vida continua". Quando chegar a casa vou ler um poema com galinhas para o bebé Alfredo. Com a Maria vamos beber um vinho muito especial em tua homenagem.

Ass: JS

6:41 PM  
Blogger Carla said...

Querido Professor, não consigo encontrar as palavras certas para descrever o que sinto... é tudo tão surreal...
Ficarás nos nossos corações para sempre, tal como o teu sorriso.

Até Sempre..... com muitas saudades...

6:47 PM  
Anonymous Nicole said...

Mais que um professor foste e és um exemplo de vida para muita gente que te conheceu não tenho dúvidas! trato-te por tu porque fica o sentimento que sempre foste mais um amigo que um "professor"! Deixaste-nos muito cedo, o que mais me custa é saber que ainda tinhas muito para dar... e foi injusta a tua partida, para ti e para as pessoas que te adoram e amam!...o que me deixa mais aliviada é o facto de saber que foste em paz e feliz.. tenho a certeza disso! E penso que por esse motivo também nos sentimos mais "consolados". Fica aqui também um grande beijo de força para toda a familia que mesmo perante uma tragédia destas, tiveram o privilégio de viver com uma grande pessoa! É irónico teres falecido com um problema de coração... esse coração que sempre esteve aliado à tua genialidade está vivo em todos os nossos corações!


um grande beijo aonde quer que estejas* Nicole

6:47 PM  
Anonymous Anonymous said...

Apenas fica o sentimento de perder não só um grande professor, mas também um grande HOMEM.

Até um dia...

HC -IADE(96/2000)

6:50 PM  
Blogger Johnnie said...

O teu coração continuará a bater nos corações de todos nós.

Um grande abraço de saudade.

João Furtado,
00/185

6:55 PM  
Anonymous Anonymous said...

As palavras não são justas ao que sinto neste momento...
Pelo o que me ensinou, a vida não me passará ao lado.

Beijinho doce*
Cátia (00|04)

6:58 PM  
Anonymous Anonymous said...

Quem passou por aquela cave jamais se vai esquecer do ser mágico que lá habitava.... Vais continuar a ser mágico para todos nós, pois mudas-te a nossa forma de ver o mundo.

Até sempre,
Carola
IADE 97/01

6:58 PM  
Anonymous Celina said...

Para a maior estrela que existe agora no céu, a mais talentosa e a mais encorajadora. com muitas saudades.....

6:59 PM  
Blogger Teresa said...

Porquê que as pessoas BOAS vão sempre tão cedo?R.Almeida

6:59 PM  
Anonymous Anonymous said...

É inacreditável.
Este professor tem estado, todos estes anos, TÃO VIVO na nossa memória, que vai continuar a estar sempre.

Foi ele que me ensinou que há um Japonês dentro de cada máquina fotográfica, que só faz o que lhe der na real gana.

muitos beijinhos
tix 94/136

7:08 PM  
Blogger rabdovelha said...

As nossas vidas ficaram certamente mais pobres...

Até já Sr. Roberto Barbosa



P.Cadete (96/2000)

7:08 PM  
Anonymous Anonymous said...

Hoje é um dia difícil.
Naõ...Hoje é o dia DIFÍCIL.
Hoje é o dia mais triste, masi difícil, mais estranho...
Fiquei mais pobre e sinto-me vazia.
Fica a SAUDADE e a LEMBRANÇA de alguém que tanto me marcou e de quem tanto eu gostava (tenho pena de não lhe ter dito isto mais vezes).

Saudade
Muita saudade

Um grande beijinho, já cheio de saudades.
Roberto estarás sempre no meu coração.

Sónia André

7:25 PM  
Anonymous Anonymous said...

Fico sem palavras... ao ler as vossas!
Peço que alguém coloque aqui onde e qd será o velório, para aí sim, prestar a minha homenagem ao Amigo Roberto!

Caymao 1996/2000

7:32 PM  
Anonymous John said...

Certamente completou a sua missão.
A dor fica nos que ficam , todos iremos ter com ele mais logo.

Luz!

7:33 PM  
Anonymous Anonymous said...

É impossível pensar neste Homem sem que o nosso coração se abra e sorriso nos saia.

Que a sua sabedoria continue a inspirar as nossas vidas.

Um forte abraço Roberto

Pedro Santos (IADE 92/96)

7:33 PM  
Blogger SOFIA said...

Sei que está melhor que nós mas a saudade é mais forte que qualquer outra coisa.
Foi um grande exemplo para todos nós, um professor sempre disponível e com um sorriso permanente no rosto.

7:36 PM  
Blogger mente irrequieta said...

Querido Roberto...

Doeu muito estar a colocar no site o espaço que todos te dedicamos.

Porém depois de tantos e tantos anos de "chalaça", resta-me o consolo de ter tido a oportunidade de estar sózinha contigo por 1/2 hora, podendo reviver os episódios que fomos passando juntos ao longo de tanto tempo.

Até sempre
teresa rosas

Carlos, um beijo enorme. Fiz o que foi possível neste espacinho de tempo.

7:43 PM  
Anonymous Anonymous said...

Roberto,
we only met a few months ago, and you made this trip to Portugal worth being done. I can't imagine how people who have known you for longer feel, it's tearing me apart. I promise I will visit Fogo, like I said, and everything will make me think about you, I'll be looking for you in your "second home".

Carlos, força, he's still with us and he's still with you. During our first class he said to us "erasmus": maybe you should follow Carlos' classes; he's such a better teacher.
We didn't even try, we were already in love with him. He really respected your way of working and your way of being.

Un grande abraço de coragem para a familia.

We will never forget.

7:46 PM  
Anonymous Anonymous said...

Professor Roberto:

Olho para trás e, por entre professores que me marcaram pelos piores motivos ou que fizeram questão de não me marcar sequer, o Professor sempre foi um oásis. Um oásis moreno e de riso fácil.

O Professor fez de todo e cada um de nós uma pessoa melhor. Porque a bondade é contagiante quando tem esse tamanho todo.

Tantos anos depois de nos vermos pela última vez, com tanto silêncio e tanta vida pelo meio, a notícia chega com uma violência e uma brutalidade tais que só o tamanho da marca que em mim deixou pode justificar.

Chiu. Parece que o ouço a gargalhar. Parece que o ouço a falar com essa voz de sais de prata.

Ouço mesmo. E continuarei a ouvir.

Um obrigado é tão pouco. Mas é tudo o que eu tenho para lhe dar agora que jamais me perdoarei por ter adiado para sempre um regresso àquela cave. Uma visita aos meus Professores preferidos.

Esse sacana desse coração enorme só podia ser pequeno demais para tanta doçura!!!

Até sempre Professor Roberto. Muito obrigado.

Rodrigo Mota #94/257

P.S. - Um abraço, Professor Carlos. Muita força.

7:47 PM  
Blogger maçã said...

Ainda não acredito na notícia.
Não quero acreditar.
Que merda saber agora que estou há anos para voltar à cave do IADE visitar o meu professor-amigo e nunca voltei. Que merda saber que agora é tarde.

Não há palavras. Morreu a gargalhada do IADE.

E como não há Shrek sem Donkey, não há Roberto Barbosa sem Carlos Costa. Um abraço forte para si.

Maria Vidigal
IADE 00/04

7:49 PM  
Blogger Rakel said...

À umas semanas atrás fizemos um jantar de turma, relembrando o tempo passado no IADE - 10 anos é muito tempo. Nesse jantar lembramo-nos dos nossos velhos tempos, do Roberto, do Carlos, pois farão sempre parte de nós e de tudo aquilo que vivemos.
Provavelmente hoje não se lembraria de mim, ou lembraria-se de mim através da minha irmã, isso de certeza.
No entanto todos nós nos lembraremos dele, com carinho.

Um beijo
Rakel

7:50 PM  
Anonymous maria joao said...

Nao consigo acreditar,para mim será sempre imortal, a unica pessoa que me fazia saltar da cama para ir a sorrir para o iade,que me fazia rir no iade,que me estendeu a mao quando precisei, que me faz chorar e nao acreditar...... so desaparece quem mais falta faz,


amo-te,para sempre no meu coraçao Roberto.

7:58 PM  
Blogger johnnycat said...

Inacreditável!!!! o professor que mais eu guardava no meu coração. Muito boa onda. Ele viverá sempre nas nossas memórias.
Grande perda.

Um grande beijo
Helder

8:01 PM  
Anonymous la salete de sousa said...

...estou em choque! Recebi um grande sorriso do professor Roberto Barbosa nas jornadas de design (semana passada)...e, agora??? retribuo-o um grande sorriso para ELE e PARA TODOS NÓS.

Haverá sempre grandes sorrisos a recordar o grande ROBERTO BARBOSA.
Bjinhos amigo.
*****

8:02 PM  

Post a Comment

<< Home

Site Meter